Conflito no Desporto – Micro (E)Learning

Conflito no Desporto – Micro (E)Learning

150.00

Pagamento Completo Pagamento Faseado

Descrição

A Resolução dos Litígios Desportivos

 

O universo desportivo, face à sua complexidade, exigiu dos vários ordenamentos jurídicos, ao qual Portugal não é excepção, uma intervenção e regulamentação própria, no que à resolução dos litígios desportivos diz respeito. O Conflito no Desporto, como em qualquer área da nossa sociedade, surge pela diversidade de indivíduos e a sua interacção dinâmica nesta dimensão da sociedade.

A UPMind face à importância da normatividade desportiva, quer no sucesso, quer no harmonioso desenrolar da dinâmica desportiva, desenvolveu a presente Micro (E)Learning – Conflito no Desporto, onde demonstra de forma sintética e objectiva, através da exposição de temas escolhidos como são resolvidos os litígios do foro desportivo.

 

Da Hierarquia das Normas até ao Tribunal Arbitral Desportivo

 

A consagração constitucional do desporto, implica desde logo uma abordagem do ordenamento jurídico português que, não só garanta a prática do mesmo, mas que também seja a correcta, legal e segura.

O desporto pela sua própria natureza, tem contacto com realidades cuja resolução vão além das normas internas do ordenamento jurídico Português, o que, em consequência obriga à existência de uma hierarquia de normas, não só internas, mas também externas.

O movimento desportivo tomou consciência da necessidade de se auto regular com mais assertividade face ao aumento da litigiosidade e face à especificidade e complexidade das matérias desportivas.

A Arbitragem surgiu como essa solução através do movimento desportivo internacional que optou por criar instâncias próprias com poderes públicos em detrimento dos tribunais comuns, para assim fazer face a essas necessidades.

Desse movimento até ao aparecimento do Tribunal Arbitral Desportivo foi um passo.

Como, Quando, Quem, são as questões que se colocam quando os litígios desportivos surgem, mas que a UPMind pretende ver esclarecidas através do presente Micro (E)Learning.

 

 

 

UPMind na vanguarda da formação

A presente formação em formato de Micro (E)Learning – Conflito no Desporto – tem como público alvo licenciados em desporto, empresários de futebol, gestores de departamentos de scouting, gestores de equipas, gestores de empresas de intermediação, e qualquer profissional da área ou não, que tendo gosto pela mesma pretenda adquirir conhecimentos técnicos teóricos/práticos na área em causa.

Os Formandos no final do presente Micro (E)Learning em Conflito no Desporto, deverão ter adquirido as aptidões necessárias para:

  1. Compreender a Consagração Constitucional do Desporto
  2. Identificar a forma de Organização Pública no Desporto
  3. Perceber como se organiza a nível desportivo o Ordenamento Jurídico Desportivo
  4. Conhecer os Órgãos Jurisdicionais
  5. Compreender a criação, o desenvolvimento e a importância do Tribunal Arbitral do Desporto (TAD)

O curso de Micro (E)LEarning em Liderança em Contexto Empresarial está estruturado, conforme a Tabela Organizativa dos Módulos, com a carga horária total de 30 horas e com uma duração estimada de 1 mês.

Designação do curso Temas/Conteúdos Horas
 

 

 

Conflito no Desporto

 

· Consagração Constitucional do Desporto

· Organização Pública no Desporto

· Internormatividade Desportiva

· Dirigentes desportivos

· Órgãos Jurisdicionais

· Tribunal Arbitral do Desporto (TAD)

 

 

 

30

Este curso é lecionado em formação E-learning, e terá início imediato logo após a matrícula na edição correspondente.

Para mais informações poderá usar formulário de contacto na coluna à direita (Pedir Informações) e verificar os horários na secretaria ou nas notícias.

No final da formação os formandos aprovados receberão 2 Certificados:

  • Certificado emitido pela UPMind, que descreve detalhadamente os objetivos gerais, área de formação, conhecimentos e competências adquiridas, plano curricular, avaliação obtida e metodologia de avaliação;
  • Certificado de Formação Profissional emitido através da plataforma SIGO (Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa) coordenado pelo GEPE-Ministério da Educação e Ciência, tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho.
Certificados

O Certificado de Formação é emitido sempre que os formandos atinjam uma classificação final igual ou superior a 10,00 valores.

A emissão é realizada através da plataforma SIGO (Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa) coordenado pelo GEPE-Ministério da Educação e Ciência, tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho.

Valorização

O certificado emitido pode também ser considerado para efeitos de valorização da candidatura num concurso público ou privado, de acordo com o regulamento específico do concurso.

 

O certificado emitido é válido para a obtenção de créditos (ECTS), numa instituição de ensino superior, nos termos do disposto no artigo 45.º, 1 alínea f) do Decreto-Lei n.º 65/2018, de 16 de agosto, que refere:

1 – Tendo em vista o prosseguimento de estudos para a obtenção de grau académico ou diploma, as instituições de ensino superior:

  1. f) Podem creditar outra formação não abrangida pelas alíneas anteriores, até ao limite de um terço do total dos créditos do ciclo de estudos.

Formadores Certificados Pedagogicamente pelo IEFP-Instituto de Emprego e Formação Profissional e com vasta experiência na área.

Dra. Bárbara Vieira

Jurista